Links de Acesso

Homens armados ocupam escola das Filipinas

  • Redacção VOA

Presidente Rodrigo Duterte decretou lei marcial em Mindanao

Presidente filipino, Rodrigo Duterte, declarou a lei marcial em toda região de Mindanao.

Um grupo de cerca de 200 homens armados atacou nesta quarta-feira, 21, um quartel do Exército e se refugiou numa escola de um povoado na região de Marawi, no sul das Filipinas, palco de uma revolta islâmica.

O inspector da polícia Realan Mamon, que revelou o ataque, não precisou se o grupo fez alunos ou professores como reféns na escola primária de Pigkawayan, na ilha de Mindanao.

O ataque ocorreu pela manhã, antes do horário de abertura da escola.

Durante o incidente houve troca de tiros entre rebeldes e o Exército.

O grupo deixou o prédio e não há relatos de vítimas.

Mamon disse à rádio local que o ataque contra o quartel pode ter sido uma manobra de distração para ajudar os combatentes islâmicos em Marawi.

O grupo armado pertence ao Bangsamoro Islamic Freedom Fighters (Biff), facção dissidente da Frente Moro Islâmica de Libertação (Milf), principal organização rebelde muçulmana do país.

O Presidente filipino, Rodrigo Duterte, declarou a lei marcial em toda região de Mindanao.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG