Links de Acesso

Fundação Mo Ibrahim pede à OMC suspensão de direitos de propriedade de vacinas


Voluntário em teste da vacina contra a Covid-19 num hospital de Soweto, África do Sul

Ao felicitar a nova directora-geral da organização, Ngozi Okonjo-Iweala, a Fundação diz que esta é a única forma da vacina chegar a todos

A Fundação Mo Ibrahim pediu à Organização Mundial do Comércio (OMC) que suspenda temporariamente os direitos de propriedade intelectual para permitir o fabrico em África de vacinas anti Covid-19.

Num comunicado no qual felicita a nova directora geral da organização, a nigeriana Ngozi Okonjo-Iweala, que assume o cargo a 1 de Março, a organização do filantropo sudanês Mohamed Ibrahim exorta a OMC a renunciar temporariamente aos aspectos específicos dos direitos de propriedade intelectual relacionados com o comércio porque “dessa forma proporcionará o conhecimento para fabricar vacinas em África, um passo fundamental para permitir o acesso a vacinas para todos o mais rapidamente possível".

No seu apelo, a Fundação reiterou que “se existe uma emergência que temos de enfrentar, é esta".

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG