Links de Acesso

Funcionários dos Correios de Bissau ameaçam com manifestações quinzenais


Ruas de Bissau podem receber manifestações

Eles não recebem salários há sete anos

Os funcionários dos Correios da Guiné-Bissau prometem manifestar-se em Bissau em breve se o Governo não pagar os salários em atraso há sete anos.

O aviso foi dado pela presidente do comité sindical dos trabalhadores dos Correias, Tefna Tamba, que admite convocar os funcionários e familiares para manifestações quinzenais em frente à Presidência e à sede do Governo.

“Estamos numa situação de penúria: desde 2005 até esta data, nenhum Governo quis saber de nós”, afirmou Tefna Tamba, que fala em “morte lenta” dos funcionários.

A sindicalista acusa “todos os governos” de não terem regulamentado o funcionamento dos “operadores informais”, que fazem uma “concorrência desleal” aos Correios, levando a instituição à situação em que se encontra.

XS
SM
MD
LG