Links de Acesso

FMI continua à espera do relatório da auditoria às dívidas ocultas de Moçambique

  • Redacção VOA

Ematum, uma das empresas envolvidas no processo

O Fundo Monetário Internacional (FMI) considera que os resultados da auditoria independente às chamadas dívidas ocultas de Moçambique constituem “um elemento muito importante devo para as discussões com as autoridades do país” com vista à retomada da ajuda da organização a Maputo.

Este comentário foi feito por Gerry Rice, director de comunicações do FMI num encontro com jornalistas em Washington, no qual revelou que as discussões técnicas têm decorrido nos últimos meses, enquanto se aguardam os resultados da auditoria.

"Esperamos com anseio pela publicação de um resumo do relatório nas próximas semanas e, no devido tempo, de todo o relatório e nesse momento, poderemos fornecer uma visão informada sobre a auditoria e suas implicações", disse Rice que sublinha ser importante “conhecer o relatório da auditoria”.

A auditoria independente às chamadas dívidas ocultas de Moçambique nu valor aproximado dos dois mil milhões de dólares feita pela empresa holandesa Kroll foi entregue à Procuradoria-Geral da República a 12 de Maio.

Na ocasião, o FMI disse que esperava receber um sumário do relatório até o fim do mês o que ainda não aconteceu.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG