Links de Acesso

Famoso advogado americano ateia fogo ao próprio corpo para denunciar contaminação


Nova Iorque

Um conhecido advogado americano, fervoroso defensor dos direitos dos homossexuais, cometeu suicídio ao atear fogo ao próprio corpo num parque de Nova Iorque para protestar contra os danos causados ao planeta, segundo uma carta de despedida enviada à imprensa.

De acordo com o New York Times, que cita a Polícia, David Buckel ateou fogo ao seu corpo no Brooklyn Prospect Park, no sábado de manhã, e foi declarado morto às 06h30 locais.

"A poluição causa estragos no nosso planeta e espalha a inabitabilidade pelo ar, solo, pela água e pelo clima", escreveu Buckel num e-mail que enviou a vários meios de comunicação americanos e que foi reproduzido pelo jornal nova-iorquino.

"A maioria dos humanos no planeta agora respira ar insalubre com combustíveis fósseis e muitos, como consequência, morrem prematuramente. A minha morte prematura com um combustível fóssil reflecte o que nós estamos fazendo conosco", denunciou.

David Buckel, de 60 anos, era um famoso activista pelos direitos dos homossexuais nos Estados Unidos e interveio em famosos casos de discriminação.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG