Links de Acesso

Faleceu Titina Rodrigues, uma das principais vozes de Cabo Verde


Titina Rodrigues, cantora, Cabo Verde

A cantora cabo-verdiana Titina Rodrigues, uma das grandes vozes da música do país, faleceu nesta sexta-feira, 6, em Lisboa, vítima de doença prolongada, aos 85 anos de idade.

A informação foi avançada à Rádio de Cabo Verde pela amiga e cantora Ana Firmino.

Natural de São Vicente, Albertina Alice dos Santos Rodrigues Oliveira de Almeida, de seu nome próprio, começou a cantar muito cedo.

A sua primeira experiência foi num espectáculo no cinema Eden Park, na sua cidade Mindelo, aos 12 anos de idade e dois anos depois fez a sua primeira gravação em disco, com o tema "Estranhadinha" do compositor Frank Cavaquinho.

Em entrevista à VOA, a 3 de Janeiro de 2014, ela contou ter sido levada pelo pai para a casa de B.Leza, um dos maiores compositores de Cabo Verde, ainda criança para aprender a ler e a escrever, mas também porque tinha música no sangue.

Na altura, o jornalista e crítico musical Carlos Gonçalves disse que "Titina é uma diva da música cabo-verdiana" apesar de não ter tido uma carreira tão produtiva a nível de álbuns, embora tenha feito muitos concertos.

Há 31 anos, ela gravou o disco "Titina Canta B.Léza".

Radicada há décadas em Portugal, Titina cantou sempre mornas e coladeiras e era presença assídua em eventos e concertos de música cabo-verdiana naquele país.

Condecorada pelo Governo de Cabo Verde em 2006 pelo seu contributo à cultura de Cabo Verde, a sua ilha natal recebe neste sábado, 7, o espectáculo musical “Só Mulher”, em que Titina será homenageada.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG