Links de Acesso

Facção da FNLA diz ter eleito novo presidente


Angola FNLA bandeira

Outra ala do partido manifestou-se contra Lucas Ngonda

Os membros do chamado grupo dos “50 por cento+23 membros do Comité Central” anunciaram no domingo, 24, a destituição de Lucas Ngonda da liderança do partido e sua substituição pelo académico Pedro Gomes.

A decisão saiu de um congresso realizado em Luanda que reuniu cerca de 900 delegados, segundo o seu porta-voz, Laís Eduardo.

O dirigente da FNLA disse que para além de Pedro Gomes concorreram à liderança do partido mais dois candidatos um dos quais foi nomeado para ocupar uma das duas vice-presidências.

Laís Eduardo disse que foi eleito um novo Comité Central constituído por 451 membro e um secretariado para o qual foi eleito Ndonda Nzinga, antigo porta-voz de Lucas Ngonda.

A VOA falou com o presidente eleito que anunciou que dentro de 12 dias a nova liderança vai levar ao Tribunal Constitucional o pedido de lagalização da direcção partidária.

Manifestação em Luanda

Em Luanda, por outro lado, militantes da FNLA marcharam para exigir a demissão do presidente da organização Lucas Ngonda, cuja ala que controla oficialmente o partido planeia um congresso no Huambo nesta semana.

Manifestantes pedem afastamento de presidente da FNLA - 2:28
please wait

No media source currently available

0:00 0:02:28 0:00

Perto de 300 militantes da FNLA saíram à rua para exigir que Ngonda renuncie à presidência do partido, mas, uma vez mais, a policia nao permitiu que a manifestação se efectivasse

Os militantes ate iniciaram a marcha mas a policia inviabilizou que se fizesse o protesto, junto a sede do partido, por alegada falta de autorização do governador de Luanda.

Os militantes partiram do largo do Soweto aqui em Luanda, rumo à sede da presidência do partido, para pedir ao presidente Lucas Ngonda que abandone o cadeirão máximo da FNLA.

De acordo com o programa, a marcha terminaria na sede da FNLA onde os militantes dialogariam com o presidente, mas a policia inviabilizou o acto alegando que o governador apenas autorizou uma marcha e não uma manifestação.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG