Links de Acesso

EUA lançam raid nacional contra imigrantes ilegais


Imagem de um raid a imigrantes. Cortesia do ICE

Os agentes da polícia de Imigração e Fronteiras dos Estados Unidos, uma unidade conhecida como ICE, iniciaram neste domingo, 14 de Julho, raids a nível nacional com o objectivo de prender imigrantes em todo o país, que estão na lista de deportação

A operação do ICE, confirmada na sexta-feira pelo Presidente Trump, tem como alvo centenas de famílias em nove grandes cidades americanas, entre elas Chicago, Nova Iorque e Los Angeles.

Trump disse que "as pessoas entram no país de forma ilegal” e que os Estados Unidos estão a deportá-las de forma legal.

Os agentes do ICE estão em busca de imigrantes considerados perigosos. O director interino Matthew Albence, disse que os imigrantes que estão a ser procurados estão num “boletim acelerado” de casos de tribunais de imigração.

Trump ameaça com raids do ICE, comunidades americanas protestam
please wait

No media source currently available

0:00 0:03:33 0:00

Os raids de imigração de Trump deverão ser bem recebido pelos eleitores que votaram nele pelas suas promessas em reprimir imigrantes ilegais nos Estados Unidos.

Os opositores democratas criticaram a operação, declarando ser desumano ter famílias como alvo, quando muitas delas vieram da América Central em busca de uma vida melhor.

Segundo o director interino do ICE, os raids vão focar-se em famílias inteiras que receberam ordem para deixar o país e que algumas poderão ver os seus membros separados se entre eles houver quem tenha a documentação apropriada.

A confirmação de Trump surgiu em meio a críticas generalizadas à alegada superlotação e más condições sanitárias dos centros onde estão detidos imigrantes, ao longo da fronteira sul com o México.

Também tem havido forte crítica aos agentes de patrulha de fronteira por separarem pais dos seus filhos.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG