Links de Acesso

EUA apoiam tratamento da Covid-19 em Maputo


Hospital Provincial da Matola, Moçambique

O Hospital Provincial da Matola, em Maputo, conta, a partir desta semana, com quatro enfermarias melhoradas para o tratamento de casos graves da Covid-19.

Com uma capacidade de 24 camas, as enfermarias têm um novo sistema de oxigénio, financiado em sete milhões de meticais pelo Plano de Emergência do Presidente dos EUA para o Alívio do SIDA, através dos Centros de Controlo e Prevenção de Doenças (CDC).

"Este investimento do Governo dos Estados Unidos faz parte de um amplo programa para ajudar a fortalecer a resiliência de Moçambique à pandemia, " disse Alfredo Vergara, director-residente do CDC.

Além de Vergara, participaram, na inauguração, a 8 de Março, a Secretária de Estado da província de Maputo, Vitória Diogo; o director do Hospital Provincial da Matola, Artur Machava; entre outros.

Em resposta à Covid-19 em Moçambique, os Estados Unidos já financiaram mais de 20,4 milhões de dólares em equipamentos de saúde e pessoal, 50 ventiladores para uso em todo o país, centros de atendimento e equipa de resposta criada, assistência técnica, e formação.

Uma nota da Embaixada em Maputo diz que o Governo dos Estados Unidos investiram cerca de 3,7 milhões de dólares para a prontidão de Moçambique em termos de vacinas seguindo os requisitos da COVAX.

Adicionalmente, o presidente Joe Biden anunciou recentemente a alocação de quatro mil milhões de dólares à iniciativa COVAX, para a compra e distribuição de vacinas da COVID-19, que vai beneficiar 92 países, incluindo Moçambique.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG