Links de Acesso

Disputa entre trabalhadores de empresa de pescas e sindicato no Namibe


Dezenas querem deixar o sindicato que acusa empresa de chantagem

Duas centenas de trabalhadores da empresa de pescas RJ no Namibe querem abandonar o Sindicato de Pescas e Derivados alegando que este nada faz para os proteger.

O sindicato acusa a empresa de exercer chantagem sobre os trabalhadores para os levar a abandonar os seus direitos, o que é negado pelo advogado da empresa.

Namibe:Trabalhadores querem sair do sindicato - 2:31
please wait

No media source currently available

0:00 0:02:31 0:00

Os trabalhadores disseram à VOA que têm sofrido várias vicissitudes e humilhações, incluindo a expulsão de muitos trabalhadores sem que o sindicato os defenda.

Eles questionam igualmente o destino das suas quotas mensais avaliadas em 50.000 kwanzas.

O secretário executivo provincial do Sindicato de Pescas e Derivados, Domingos Afonso, acusa a empresa, sediada no Tombwe, de agir de má fé ao manipular os trabalhadores com ameaças de despedimentos colectivos e de estavar a exigir o pagamento de horas extras, melhoria das condições de trabalho e segurança social.

O sindicalista disse que tudo foi arquitectado por um advogado da referida empresa.

Francisco Tchicunga, do Departamento jurídico da entidade patronal, disse que trabalhadores lhe tinham manifestado o seu descontentamento com o sindicato e que ele se tinha limitado a dizer-lhes que tal como tinham aderido ao sindicato poderiam de livre vontade abandoná-lo.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG