Links de Acesso

Diplomata americano renuncia por discordar com decisão de Trump sobre o acordo de clima

  • Redacção VOA

David Rank

Rank, no Departamento de Estado há 27 anos, é o segundo diplomata a discordar de Trump

O Embaixador em exercício dos Estados Unidos na China, David Rank, renunciou abruptamente do cargo e disse aos colegas que deixa os serviços diplomáticos por não concordar com a decisão do presidente Donald Trump de retirar o país do acordo de clima de Paris.

Funcionários americanos informados sobre a renúncia de Rank disseram que ele anunciou, na segunda-feira, 5, que pretende reformar.

O Departamento de Estado confirmou o caso afirmando que é uma “decisão pessoal” e não deu detalhes.

Rank era desde 2016 chefe adjunto da missão e era embaixador em exercício até a indicação para o cargo, por Donald Trump, do antigo governador do Texas, Terry Branstad, que assumirá o posto este mês.

Rank, no Departamento de Estado há 27 anos, é o segundo diplomata, nos últimos dias, a discordar com Trump.

No último fim-de-semana, o embaixador americano em exercício no Reino Unido, Lewis Lukens, elogiou o presidente da Câmara de Londres, Sadiq Khan, depois de críticas de Trump no Twitter.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG