Links de Acesso

Detido executivo da Volkswagen por acusação de fraude


Foto de arquivo.

O FBI prendeu um executivo da Volkswagen acusado de tentativa de fraude nos Estados Unidos, segundo reportagem publicada nesta segunda-feira pelo jornal New York Times.

Oliver Schmidt, que comandou, entre 2014 e 2015, o departamento que garantia que a empresa cumpria com as normas de regulação, foi preso no sábado, na Flórida, por investigadores federais norte-americanos.

A detenção está relacionada com o caso de manipulação das emissões de gases nocivos em veículos a diesel.

Procuradores de Nova Iorque e Massachusetts acusam Schmidt de ter tido um papel importante na ocultação das emissões.

Em Setembro de 2015, a Volkswagen admitiu ter instalado um software secreto em mais de 400 mil carros com motores 2.0 a diesel nos Estados Unidos para fraudar testes de emissão de poluentes e fazer os modelos parecerem mais limpos.

Consta que tais veículos emitiam poluentes até 40 vezes acima do permitido pela lei.

XS
SM
MD
LG