Links de Acesso

Deslocados do terrorismo burlados em Nampula


Moçambique, campo de deslocados

Duzentas pessoas compraram senhas para beneficiar de suposta ajuda alimentar

A Polícia deteve, na cidade de Nampula, uma cidadã de 42 anos de idade, acusada de ter burlado duzentas pessoas deslocadas do terrorismo, num esquema de venda de senhas para uma suposta ajuda alimentar.

O caso deu-se na unidade comunal Marien Ngouabi, no bairro de Namutequeliua, por sinal o que tem recebido maior número deslocados que fogem o terrorismo, em Cabo Delgado.

Deslocados do terrorismo burlados em Nampula
please wait

No media source currently available

0:00 0:02:46 0:00

A acusada, natural de distrito de Mocimboa da Praia em Cabo Delgado, agia no esquema com um comparsa que está foragido.

Os deslocados notaram que estavam diante de uma burla, na terça-feira, 28, data que tinha sido marcada para a entrega dos produtos alimentares.

Amina Armando, falando em representação das vítimas, disse que as senhas eram adquiras pelo preço de 100 meticais, e os deslocados compravam na esperança de ter comida.

O porta-voz da Polícia em Nampula, Zacarias Nacute, disse que está em curso um trabalho para a eliminação do esquema e responsabilização dos implicados.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG