Links de Acesso

Cruz Vermelha entrega reféns libertados por Boko Haram


Dez policias mulheres e três professores foram libertados

O grupo radical nigeriano Boko Haram libertou neste sábado, 10, 10 oficiais de polícia mulheres e três professores universitários e as entregou ao Comité Internacional da Cruz Vermelha (CICV).

A organização, que revelou a notícia, serviu de intermediário a pedido das partes no conflito armado na Nigéria.

"Nos satisfaz muito saber que estas 13 pessoas estão em liberdade e que poderão voltar a ver os seus parentes", disse o director regional adjunto do CICV para a África, Patrick Youssef, em comunicado.

O CICV não participou de nenhuma das negociações que conduziram à entrega das 13 pessoas.

A operação foi similar às que o CICV efectuou em Outubro de 2016 e Maio de 2017 quando transportou às meninas de Chibok.

"São muitas as pessoas desaparecidas ou que estão retidas contra vontade por causa do conflito", afirmou Youssef.

O director indicou que isso "provoca enormes sofrimento e trauma, em particular às famílias de toda a região do Lago Chade, que devem viver cada dia com a incerteza e a angústia de não saber o que aconteceu com seus parentes e nem onde estão".

"Esperamos que estas pessoas também em breve possam voltar a ver seus familiares", sublinhou aquele responsável do CICV que afirmou estar pronto para prestar serviços humanitários similares no futuro, quando assim solicitarem as partes em conflito.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG