Links de Acesso

COVID-19: “Não temos condições” para a prevenção, dizem mendigos e vendedores em Nampula 


Nampula, Moçambique

A população da cidade de Nampula continua a ignorar as medidas de distanciamento social, apesar do aumento de casos de Covid-19 no país. Os vendedores informais e mendigos dizem que são impedidos pela falta de condições.

COVID-19: “Não temos condições” para a prevenção, dizem mendigos e vendedores em Nampula
please wait

No media source currently available

0:00 0:02:46 0:00

Na cidade que é capital da província mais populosa de Moçambique, a VOA nota diariamente a habitual concentração de pessoas que não observam na totalidade as medidas de proteção, particularmente nos mercados informais.

Até agora, a província de mais de cinco milhões de habitantes não tem nenhum caso conhecido, mas há preocupações por existir um alto nível de circulação de pessoas da vizinha Cabo Delgado com mais de metade dos 162 casos que o país tem.

Miranda Albertino Joaquim, por xemplo, diz que não tendo outra fonte de rendimento vai continuar a vender na rua.

Outro fator de risco é a mendicidade. Crianças, idosos e pessoas com deficiência têm se exposto sem proteção nos estabelecimentos comerciais e nos passeios para pedir esmola.

Alguns, como Victor Amade, 55 anos de idade, dizem que estão a cumprir o jejum do Ramadão e não tem comida para o momento do iftar.

COVID-19: Nampula corre risco devido a proximidade com Cabo Delgado
please wait

No media source currently available

0:00 0:02:17 0:00

“Agora há muito risco por causa desta doença que afeta o mundo. Mas tenho que procurar a vida e todos os dias venho aqui para obter alguma coisa para comer”, disse Amade.

E Mário Loja, 50 anos de idade, mesmo sabendo que o numero de doentes está a aumentar no pais, diz que ficar em casa não é a solução.“O Governo disse para sentarmos em casa e usar máscaras, mas não temos como fazer isso, porque não temos condições“.

Loja diz ainda que ‘’sabemos que há pessoas a distribuir máscaras, pedimos que sejam oferecidas aos carentes, deficientes” e que o Governo encontre uma forma de ajudar.

O conselho autárquico da cidade de Nampula, diz o porta-voz Nelson Carvalho, tem uma equipa multidisciplinar para sensibilizar as pessoas a abandonar a mendicidade.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG