Links de Acesso

Comissário eleitoral da UNITA processado por registo duplo

  • Coque Mukuta

Ernesto Joao Manuel, comissário eleitoral da UNITA

Ernesto João Manuel diz temer que tudo não passa de perseguição política

O comissário eleitoral da UNITA no município da Kissana, Ernesto João Manuel, foi ouvido na manhã desta terça-feira, 12, pela Procuradoria Geral da República, por alegadamente ter feito duplo registo, “o que é crime” segundo a lei angolana.

Apesar de mais de 300 mil registos duplos terem sido feitos durante o processo de registo eleitoral, até agora, apenas Ernesto João Manuel foi processado, de acordo com o próprio.

Tal deveu-se, segundo disse, ao facto de ter sido informado que o primeiro registo não tinha sido feito correctamente.

A queixa foi apresentada pela Comissão Nacional eleitoral, no município da Kissama.

Ernesto João Manuel disse ter “negado que terá sido a UNITA a dar orientações para efectuar o duplo registo”.

O advogado de defesa Luís do Nascimento não comentou o processo porque está “em segredo de justiça”.

Entretanto, o arguido espera que este processo não seja uma perseguição contra ele porque desconhece haver processos contra outros que cometeram o mesmo erro.

“Agora vamos esperar”, concluiu Ernesto João Manuel.

A existência de duplos registos tinha sido admitida pelas entidades competentes, mas com a possibilidade de serem removidos da base de dados.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG