Links de Acesso

China: avião despenha-se com 132 pessoas a bordo


Oficiais da aviação civil dizem que um Boeing 737 da China Eastern Airlines​​​​​​​ com 132 pessoas a bordo se despenhou na província de Guangxi, no sul do país

Um Boeing 737 da China Eastern Airlines com 132 pessoas a bordo despenhou-se na província meridional de Guangxi nesta segunda-feira, 21, informaram as autoridades.

A Administração da Aviação Civil da China (CAAC) afirmou numa declaração que o acidente ocorreu perto da cidade de Wuzhou, no condado de Teng.

O avião seguia de Kunming, na província ocidental de Yunnan, para o centro industrial de Guangzhou ao longo da costa oriental.

Não há notícias por agora sobre o número de mortos e feridos.

O avião transportava 123 passageiros e nove membros da tripulação, disse o CAAC, corrigindo informações anteriores de que 133 pessoas estavam a bordo

A CAAC disse ter enviado uma equipa de oficiais e os bombeiros de Guangxi disseram que estavam em curso trabalhos para controlar um incêndio na montanha provocado pelo acidente.

Dados de satélite da NASA mostraram um incêndio massivo na área onde o avião caíu.

Até ao momento, a companhia China Eastern Airlines não respondeu a pedidos de comentário.

Os meios de comunicação estatais disseram que a polícia local recebeu pela primeira vez chamadas de aldeões alertando para o acidente por volta das 14h30.

A Boeing Co. com sede em Chicago, também não respondeu imediatamente a um pedido de comentários.

A China Eastern Airlines, com sede em Xangai, é uma das três maiores companhias aéreas da China e opera em rotas domésticas e internacionais que servem 248 destinos.

O avião, que perdeu rapidamente velocidade após as 6h20m UTC antes de entrar numa descida acentuada, parou de transmitir dados a sudoeste da cidade chinesa de Wuzhou.

O avião foi entregue à China Eastern Airlines pela Boeing em Junho de 2015 e voava há mais de seis anos.

O Boeing 737 bimotor de corredor único é um dos aviões mais populares do mundo para voos de pequeno e médio curso.

A China Eastern Airlines opera múltiplas versões de aviões comuns, incluindo o 737-800 e o 737 Max.

O último acidente mortal com um avião a jacto civil na China foi em 2010.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG