Links de Acesso

CASA-CE denuncia prisão ilegal e espancamento de quatro militantes em Malanje

  • Isaías Soares

Carlos Xavier Luís Lucas fez a denúncia

Detenção aconteceu há 11 dias, sem qualquer mandado judicial, em Massango

Quatro militantes da CASA-CE encontram-se detidos no município de Massango sem qualquer mandato judicial há quatro dias.

O secretário-executivo da coligação, Carlos Xavier Luís Lucas, afirmou segunda-feira, 30, ter recebido garantias da direcção provincial de Ordem Pública de que os membros da sua formação política seriam libertos mas continuam detidos.

“Pensamos ser uma situação completamente ilegal, para deter alguém tem que se ter um mandado, ou senão em flagrante delito, algo está a passar”, referiu Lucas, confirmando que “a polícia garantiu que iria fazer um inquérito e soltar os nossos companheiros”.

Entretanto, “até ao momento, a única coisa que a Polícia fez foi retirar as algemas depois de os terem sido espancados de maneira completamente desumana”.

Graça João Manzanza, coordenador da região de Kikutu, João Manzanza, António Jacinto Gonga, Eduardo António são os membros da CASA-CE no interior do município de Massango.

Eles foram alegadamente detidos sem culpa formada por efectivos da Polícia Nacional (PN)no município de Massango.

Uma fonte próxima do comando provincial da PN confirmou que os cidadãos detidos já foram soltos e que uma comissão de inquérito vai trabalhar nos próximos dias para esclarecer o sucedido.

A PN em Malange prometeu reagir mas ainda não o fez.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG