Links de Acesso

Bolsonaro promete apoio para restabelecer a democracia na Venezuela


Jair Bolsonaro (esq) e Juan Guaidó (dir) cumprimentam-se em Brasília

O Presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta quinta-feira, 28,que não poupará "esforços" para restabelecer a democracia na Venezuela, após um encontro no Palácio do Planalto, em Brasília, com o autodeclarado presidente da Venezuela, Juan Guaidó.

"Nós não pouparemos esforços dentro – obviamente – da legalidade, da nossa Constituição e de nossas tradições para que a democracia seja restabelecida na Venezuela. E todos nós sabemos que isso será possível através, não apenas de eleições, mas de eleições limpas e confiáveis", afirmou o presidente brasileiro, depois do encontro privado com Guaidó.

Juan Guaidó à chegada ao Palácio do Planalto
Juan Guaidó à chegada ao Palácio do Planalto

Antes de Bolsonaro, Guaidó disse que a "luta" dele por democracia e liberdade na Venezuela é constitucional e que o encontro marca um "novo começo" na relação entre Brasil e Venezuela.

Enquanto Guaidó estava no Planalto, um grupo de pessoas protestava contra a presença dele em Brasília.

Também hoje, o Presidente paraguaio, Mario Abdo Benítez, afirmou numa rede social que receberá Guaidó amanhã em Assunção.

Fórum Facebook

Poderá gostar também

XS
SM
MD
LG