Links de Acesso

Bispo angolano apela a intervenção para se pôr termo ao conflicto na RDC

  • Teodoro Albano

Arcebispo Lubango Dom Gabriel Mbilingui

O Presidente do Simpósio das Conferências Episcopais da África e
Madagáscar, (SECAM), Dom Gabriel Mbilingui, apelou este Domingo no
Lubango, a uma intervenção política e religiosa internacional pra se pôr termo ao conflicto na Republica Democrática do Congo.

Preocupado com o drama dos refugiados que diàriamente dão entrada em
solo angolano através da província da Lunda Norte, Dom Gabriel
Mbilingui, defendeu uma intervenção conjunta dos vários organismos
políticos e eclesiásticos regionais, como a União Africana e as Nações
Unidas, para uma solução do conflito na RDC.

O presidente do (SECAM) destacou a importância do fim do conflito que
passa pelo diálogo interno para a estabilidade regional.

“Se abra um diálogo interno para que de facto seja dirimida a causa
principal deste conflito armado, possamos ter um país vizinho
pacificado”, disse.

“Como estais a ver se qualquer país que está à volta é
atingido por uma calamidade naturalmente tudo isso sobra para os
países vizinhos, é o nosso caso”, acrescentou

O Líder do (SECAM) manifestou-se solidário com o sofrimento dos
refugiados da RDC em Angola, e valorizou os esforços das autoridades
angolanas em acudir a situação.

“Não nos esqueçamos que durante o tempo do conflito armado também
aqui, nós formos apoiados por outros países e por outras organizações
que se interessaram pela nossa causa, agora chegou a nossa vez”, afirmou o bispo para quem “amor com amor se paga e não é com palavras»

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG