Links de Acesso

Bilionário Wilbur Ross confirmado Secretário de Comércio dos Estados Unidos


Wilbur Ross, no Senado, em Janeiro.

Ross teve considerável número de votos de Democratas, mas outros dizem que é um investidor “abutre” que já eliminou postos de trabalho.

O investidor bilionário Wilbur Ross foi, segunda-feira, 27, facilmente confirmado Secretário de Comércio dos Estados Unidos.

O Senado americano confirmou Ross, de 79 anos de idade, com 72 votos contra 27. Teve considerável apoio dos Democratas.

A confirmação de Ross permitirá o início da renegociação das relações comerciais dos Estados Unidos com a China e México, parte da agenda da administração de Donald Trump.

Espera-se que Ross torne-se numa figura influente da equipa económica de Trump, após ter ajudado a conceptualizar a oposição do Presidente aos acordos de comércio livre multilateral como a Parceria Transpacífico.

Ross teve votos de 19 Democratas e um independente, devido, em parte, ao facto de ter sido endossado pelo sindicado de siderúrgicos pelo seu esforço na restruturação de algumas empresas do sector em falência, no início dos anos 2000, o que salvou fábricas e milhares de empregos.

Alguns Democratas criticam Ross por ser mais um bilionário no executivo de Trump que afirma ter o foco na classe operária, e por ser um investidor “abutre” que já eliminou postos de trabalho.

A Reuters reportou, mês passado, que, desde 2004, as empresas de Ross transferiram 2,700 postos de trabalho para fora dos Estados Unidos.

A fortuna de Ross, estimada, pela Forbes, em 2.9 mil milhões de dólares, resulta do investimento em empresas em situação delicada nos sectores de aço, carvão, têxteis e peças de viaturas. Na restruturação beneficiou muitas vezes das protecções tarifárias do Departamento de Comércio.

XS
SM
MD
LG