Links de Acesso

Banco Mundial mantém suspensão de apoio orçamental a Cabo Verde

  • Eugénio Teixeira

Governo promete reestruração da TACV para breve

Em causa a privatização da companhia aérea de bandeira, TACV

O Banco Mundial (BM) vai manter a suspensão do apoio orçamental a Cabo Verde, decidida há mais de um ano, até que o Governo submeta para aprovação o plano de reestruturação da empresa Transportes Aéreos de Cabo Verde (TACV).

Em reacção, o Executivo do arquipélago garante que está empenhado na criação de condições para a reestruturação e a consequente privatização da empresa de bandeira.

O ministro das Finanças afirma que o Governo conta com forte apoio de parceiros de desenvolvimento, nomeadamente o próprio BM, visando a resolução do complexo dossiê.

Olavo Correia reconhece tratar-se de uma matéria sensível e que “haverá novidades em breve”.

Em determinados interesses, fala-se no interesse do empresário macaense, David Show, na privatização da transportadora área cabo-verdiana, mas Olavo Correia não abre o jogo.

O Banco Mundial aprovou no mês passado um novo envelope de 90 milhões de dólares para os próximos três anos a Cabo Verde, mas manterá a componente do apoio orçamental suspensa até que seja encontrada uma solução para a TACV.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG