Links de Acesso

Autoridades guineenses admitem dificuldades no controlo da Covid-19


Testagem da Covid-19

O Secretário-geral de Alto Comissariado para a COVID- 19 na Guiné-Bissau afirma que o país está longe de controlar a pandemia provocada pelo novo Coronavírus.

Autoridades guineenses admitem dificuldades no controlo da Covid-19
please wait

No media source currently available

0:00 0:01:44 0:00

Na conferência de Imprensa semanal para a atualização de dados, Plácido Cardoso disse, apesar de dificuldades, a sua instituição aposta na testagem.

“Estamos longe de ter controlada a pandemia, mas pelo menos temos dados encorajadores. Queremos uma maior compreensão do progresso alcançado até aqui, e o nosso objetivo é de testar mais pessoas no país para saber se estão ou não infetadas,” disse Cardoso.

A Guiné-Bissau conta atualmente com 938 casos ativos de Covid-19 e 38 óbitos provocados pela Covid-19.

Neste cenário, o médico guineense Edwis Martins diz que “o Alto Comissariado não deve deitar a toalha no chão, porque os casos aumentaram e já perderam controlo da doença; agora deve-se aumentar nível da sensibilização e de prevenção do coronavírus na Guiné-Bissau”.

Para Martins, o número de casos aumento no país porque “não haviam hospitais para internar os poucos casos na altura; isso criou mais propagação do vírus e próprio centro de operação de emergência perdeu, na altura, o controlo da doença”.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG