Links de Acesso

Autoridades francesas detêm terceiro suspeito do ataque de Nice


Polícia francesa em alerta máximo.

As autoridades francesas detiveram um terceiro homem para interrogatório, neste sábado, 31, em conexão com o ataque a faca, na Basílica de Notre Dame, na cidade de Nice, no sul da França, que deixou três pessoas mortas.

O homem, de 33 anos, foi encontrado numa busca policial, na sexta-feira, na casa de um segundo jovem tunisiano suspeito de estar em contato com o agressor.

A França, Tunísia e Itália investigam em conjunto para determinar a motivação do principal suspeito Brahim Issaoui, um tunisiano de 21 anos, se ele agiu sozinho e se seu ato foi premeditado.

A polícia francesa detém três pessoas sob custódia para interrogatório depois de encontrar dois telefones do suspeito após o ataque.

O primeiro homem, de 47 anos, foi detido na quinta-feira à noite, após a polícia analisar as imagens de vigilância e observar a pessoa ao lado do agressor no dia anterior ao ataque.

Um segundo sujeito detido, 35 anos, suspeito de contatar Ibrahim Issaoui, um dia antes do ataque, foi preso na sexta-feira.

Três pessoas morreram no ataque de quinta-feira, duas mulheres de 60 e 44 anos e um homem de 55 anos.

Issaoui chegou à ilha italiana de Lampedusa em 20 de setembro e viajou para Paris em 9 de outubro.

Ele não estava na lista de supostos militantes da Tunísia e não era conhecido pelos serviços de inteligência franceses.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG