Links de Acesso

Autoridades de Cabo Verde intensificam combate à malária

  • Redacção VOA

Doença é provocada por mosquito

Doença encontrava-se praticamente erradicada no país

O Governo de Cabo Verde intensificou a campanha contra a malária depois de o país ter registado um recorde de 180 casos da doença.

Há dois anos, o arquipélago foi considerado prestes a erradicar a doença, o que devia acontecer em 2018.

As autoridades cabo-verdianas anunciaram a realização de várias campanhas de limpeza e de informação à população sobre a doença.

O Miistério da Saúde indicou que foram registados mais de 180 casos, quando o número mais alto tinha sido notificado no ano de 2001, 140.

A capital, Praia, é onde se econtra o foco maior, com 171 casos, dos quais vários autóctones.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG