Links de Acesso

Angola: Criadores de gado querem revisão da pauta aduaneira

  • João Marcos

Els dizem que não há gado suficiente para abastecer o mercado

Os produtores de carne angolanos querem uma revisão da pauta aduaneira que penaliza a importação de gado.

A pauta para os próximos cinco anos ainda está em discussão e os criadores pressionam a Administração Geral Tributária (AGT), lembrando que a anterior penalizava os pecuaristas.

Eles dizem não há gado suficiente em Angola para fornecer o mercado nacional

Pedro Ngala e Fernando Teles reafirmam que a importação é o caminho a seguir na luta pelo relançamento da actividade pecuária em Angola.

Ngala disse ser “preocupante” o facto de “só se falar dos Lexus, dos V8 e H10 e esquecemo-nos da alimentação, da carne, um produto que desenvolve o país”.

“Queremos saber como a AGT vai taxar a importação, tendo em conta que a antiga pauta deu lugar a um colapso que se traduz na falta de carne. Por tudo isto alguns matadouros estão às moscas’’, sublinhou.

Fernando Teles afirmou que, ao contrário do que é propagado, Angola não tem gado suficiente para abastecer o mercado.

As necessidades de consumo para o país são de 270 mil toneladas de carne por ano, mas a produção é inferior a 60 mil.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG