Links de Acesso

Al-Shabab mata quatro soldados da força de paz da UA


Soldados da Amisom

Grupo islâmico tentou atacar a sede militar da Amison

Quatro soldados da força de manutenção da paz da União Africana (UA), Amisom, no sul da Somália morreram na sequência de um ataque com um carro armadilhado do grupo islâmico Al Shabab, revelaram nesta segunda-feira, 2, fontes locais à agência espanhola Efe.

O grupo Al Shabab, de acordo com as mesmas fontes, terá tentado atacar a sede militar da Amisom na província do Baixo Shebelle, ao detonar dois carros armadilhados e realizou vários outros ataques a bases militares na mesma região, na fronteira com província de Mogadíscio, a capital.

Em resposta, as tropas da Amisom abateram 34 atacantes, segundo o governador do Baixo Shebelle, Ibrahim Adan Najah.

Nos últimos meses, o grupo radical tem multiplicado os ataques contra o Governo e alvos civis.

Na semana passada, um funcionário do Comité Internacional da Cruz Vermelha (CICV) morreu na sequência também da explosão de um carro armadilhado na sede da organização, em Mogadíscio.

A Somália vive em estado de guerra desde 1991, após o derrube do então ditador Mohamed Siad Barre.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG