Links de Acesso

Abel Chivukuvuku diz que Tribunal Constitucional faz política ao rejeitar o seu partido


Abel chivukuvuku

O político angolano Abel Chivukuvuku criticou ásperamente o Tribunal Constitucional depois deste ter rejeitado o registo do seu novo partido, Pra Já Servir Angola, alegando não poder verificar milhares de assinaturas incluída sno pedido de registo.

"Temos um Tribunal Constitucional que não faz jurisprudência mas sim politica e recebe ordens para agir”, disse acrescentando que “no caso PRA JA agiu sem vergonha ee sem escrúpulo ao retirar direitos de 19.000 cidadãos "

O politico entende que ninguém vai conseguir “travar” o registo doseu novo partido.

"Mesmo se quiserem 300 mil assinaturas vão ter (essas assinaturas)”, disse.

“Isto não é problema para nós”, acrescentou Abel Chivukuvuvku disse ainda que a “vamos cumpir o que eles exigem vamos remeter mais assinaturas".

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG