terça-feira, 02 setembro, 2014. 17:07 UTC

Notícias / Angola

Bento Kangamba desmente acusações brasileiras

Autoridades brasileiras emitiram um mandado de captura acusando o parente do presidente angolano de chefiar rede de tráfico humano.

Bento dos Santos Kangamba
Bento dos Santos Kangamba
Redacção VOA
Bento dos Santos ‘Kangamba', sobrinho por afinidade do presidente angolano, José Eduardo dos Santos, negou a acusação das autoridades brasileiras de envolvimento em tráfico de mulheres.

Num despacho da agência angolana Angop, que cita fonte oficial, o empresário Bento dos Santos ‘Kangamba' desmentiu a notícia "posta a circular na imprensa brasileira e nas redes sociais, segundo a qual a Polícia Federal Brasileira o acusa de chefiar um esquema internacional de tráfico de mulheres do Brasil para a África do Sul, Portugal, Angola e Áustria".

O empresário acrescenta não ter recebido qualquer notificação policial sobre os alegados casos de tráfico e que nunca "manteve quaisquer contactos nesse sentido com cidadãos dos países mencionados".

No desmentido, feito por fonte oficial não identificada, a Angop escreve que a acusação ao empresário foi feita para "atingir e caluniar outras personalidades" angolanas.

O desmentido divulgado pela Angop vem na sequência da emissão de um mandado de captura das autoridades brasileiras contra Bento dos Santos ‘Kangamba', acusando-o de chefiar uma rede de tráfico de brasileiras, segundo noticiou o jornal 'O Estado de São Paulo'.
O forúm foi encerrado
Comentário
Comentários
     
por: Mabika Buala de: LAD
30.10.2013 15:12
Kangamba continua a sujar o nome de Angola além fronteiras,para não variar está a pôr em causa o nome da familia presidêncial Angolana,sendo Genro do actual chefe de estado Angolano.
No meu entender e que também é de muitos autóctenes este senhor deve ser responsabilizado judicialmente não obstante os feitos dele na sociedade,na área desportiva etc.
Para um futuro promissor das gerações vindouras,devemos por fim este tipo de comportamentos.
Kangamba como pai,chefe de familia tem o dever de ser exemplar e não persona não grata como agora parece.


por: Raul Tati de: Cabinda
29.10.2013 23:23
Senhor General! O senhor não foi acusado por nenhuma instituição judicial angolana. É no Brasil onde o senhor tem ordem de prisão. Em vez de andar com desmentidos domésticos que não vão mudar a sua sorte, apanha o avião e vá ao Brasil, contrata um excelente advogado e procura provar em tribunal a sua inocência. Se for ilibado, a opinião pública entenderá que fora vitima de calúnia grave. Enquanto não fizer isso, senhor general, não há como não acreditar na justiça brasileira. Está lançado o repto à sua valentia de general.


por: José António de Carvalho de: Cabinda
28.10.2013 09:37
Quando se come cana-de-açúcar por baixo da água, a casca vem sempre à tona - diz um ditado ibinda. ('ibinda' é a língua oficial dos cabindas.


por: GABY SIMA de: BRASIL
27.10.2013 20:27
É claro que kangamba deve ser mesmo um dos líderes, pois então porque ele não foi fazer essa declaração em rede nacional? e mais os brasileiros não mentem e a policia brasileira é uma das melhores do mundo apesar do país ser corrupto,em termos de investigação são feras e não falham.O senhor kangamba tem sim culpas no cartório e o seu passado já não é lá nada famoso por conta de ter fugido da França as pressas e o que o salvou foi o passaporte diplomático.Esses gajos pensam que outros países são iguais Angola aonde impera a ditadura e querem fazer o que bem lhes apetece só por terem bastante dinheiro e ainda por cima é um dinheiro usurpado da nação angolana e por isso esses mandados de captura procedem e devem ser levado em consideração e aliás todos os corruptos e ladrões que estão roubando em Angola deviam responder imediatamente a crimes internacionais e tráfico de influência e ou prostituição a que são acusados.Um bando da canalhas da pior espécie.Ninguém merece!

Siga-nos

Rádio

AudioAngola Fala Só: Ao Vivo I Mp3

Sexta 16:30 - 17:30 UTC
 

AudioEmissão Vespertina: Ao Vivo I Mp3

Seg-Sexta 17:00 - 18:30 UTC
 

AudioEmissão Vespertina: Ao Vivo I Mp3

Sáb-Dom 17:00 - 18:00 UTC

Os Nossos Vídeos

Your JavaScript is turned off or you have an old version of Adobe's Flash Player. Get the latest Flash player.
Manchetes Africanas 29 Agosto 2014i
|| 0:00:00
...
 
🔇
X
29.08.2014 18:11
As noticias de Africa em video
Vídeo

Vídeo Manchetes Africanas 29 Agosto 2014

As noticias de Africa em video
Vídeo

Vídeo Ferguson olha para o Futuro

Um grande júri no estado de Missouri continua a ouvir testemunhos do caso que envolve a morte a tiro de um jovem africano-americano por um agente policial branco. O caso ocorreu no dia 9 de Agosto na cidade de Ferguson.
Vídeo

Vídeo Manchetes Africanas 28 Agosto 2014

Noticias de Africa em video
Vídeo

Vídeo Manchetes Americanas 28 Agosto 2014

As principais notícias que encerram a última semana do mês de Agosto, nos Estados Unidos
Vídeo

Vídeo Lei Russa Contra a Profanação

A Rússia promulgou em Julho uma lei que ameaça multar actos de profanação nos media, filmes, literatura, na música e no teatro. A restrição foi bem recebida por quem diz que a blasfémia está fora do controlo, outros rejeitam a decisão por considerarem tratar-se de paternalização e censura
Vídeo

Vídeo Manchetes Africanas 27 Agosto 2014

Noticias de Africa em video
Vídeo

Vídeo Manchetes Africanas 26 Agosto 2014

Noticias de Africa em video
Vídeo

Vídeo Manchetes Americanas 26 Agosto 2014

Os principais títulos americanos na última semana de Agosto
Vídeo

Vídeo Manchetes Africanas 25 Agosto 2014

As noticias de Africa em video
Mais Vídeos