Links de Acesso

PR da Guiné-Bissau convida PAIGC a indicar novo primeiro-ministro

  • Alvaro Ludgero Andrade

José Mário Vaz, Presidente da Guiné-Bissau

José Mário Vaz, Presidente da Guiné-Bissau

Domingos Simões Pereira participou no encontro com José Mário Vaz.

O Presidente da Guiné-Bissau convidou no início da tarde desta sexta-feira, 14, o PAICG a indicar o nome do novo primeiro-ministro.

O convite foi feito por carta no final de uma série de reuniões entre José Mário Vaz e os partidos políticos com assento parlamentar realizadas hoje.

No encontro entre o Chefe de Estado e o PAIGC, a delegação do partido mais votado nas eleições de 2014 foi encabeçada pelo seu líder Domingos Simões Pereira, demitido na passada quarta-feira, 12, por Vaz.

"Foi um encontro cordial", disse à VOA um fonte do encontro que não quis se identificar.

"Há mais barulho lá fora (no exterior) do que cá no país", garantiu a mesma fonte.

Recorde-se que ontem, Domingos Simões Pereira garantiu que ele seria o nome a ser indicado pelo PAICG porque é o que estipulam os estatutos do partido.

Entretanto, a situação na Guiné-Bissau vai ser discutida ainda hoje, 14, no Conselho de Segurança das Nações Unidas, que vai tentar perceber melhor o que levou Vaz a derrubar o Governo.

"Os esforços feitos na última semana pelo secretário-geral da ONU, pelos presidentes do Senegal e Guiné-Conacri para que Vaz desistisse do seu plano de dissolução do Governo foram infrutíferos", lembra o Conselho de Segurança.

Os membros do órgão vão ter em conta que a Constituição da Guiné-Bissau reserva "um papel largamente cerimonial para o Presidente", mas com os sucessivos episódios de instabilidade no país, "a prática tem sido a de o chefe de Estado ter maior influência".

Mostrar Comentários

XS
SM
MD
LG