Links de Acesso

Marfim e cornos de rinocerontes de Moçambique apreendidos no Vietname

  • Redacção VOA

As autoridades alfandegarias vietnamitas anunciaram, hoje, a apreensão de 735 quilos de marfim e cornos de rinoceronte, no porto de Tien Sa, cidade de Da Nang, originários de Moçambique.

A imprensa local, com base numa nota das autoridades, reporta que a mercadoria fora declarada como mármore, orçado em 20 mil dólares americanos, importado pela empresa Da Nang-based Van An Co. Ltd. Foi transportada pelo navio King Prian, que atrancou segunda-feira.

Após a inspecção, os funcionários das alfândegas notaram que um dos dois contentores continha marfim e cornos escondidos entre blocos mármore falso. Maior quantidade, 593 quilos, é de marfim.

A imprensa diz que no mercado negro, o corno de rinoceronte é comercializado a $133 por grama; e o marfim ronda a $2,100 por quilo.

O outro contentor continha mármore verdadeiro.

O marfim e cornos são produto da caça furtiva em Moçambique e noutros países da região austral de África. Vietname tem sido um dos principais destinos do tráfico.

No dois países, o tráfico de marfim e cornos é ilegal.

A imprensa vietnamita não reportou nenhuma detenção de indivíduos em conexão com esta apreensão, mas indica que as autoridades prometeram mais investigação.

Mostrar Comentários

XS
SM
MD
LG