Links de Acesso

Febre amarela alastra-se na Huíla

  • Redacção VOA

 Tundavala Huíla

Tundavala Huíla

Apenas um dos municipios da província ainda não foi afectado pela doença.

As autoridades sanitárias da Huíla confirmaram até ao momento 31 óbitos e 121 casos notificados de febre amarela naquela província angolana.

De acordo com as autoridades, os casos de febre amarela já atingiram 13 dos 14 municípios da província, à excepção da circunscrição da Jamba no leste da região.

Dois casos tidos como autóctones, ou seja, sem qualquer ligação com Luanda, terão ocorrido no município de Quipungo.

O director provincial da saúde, Altino Matias, disse que a situação na Huíla assume contornos de preocupação.

A província aguarda pela chegada das doses de vacinas contra a febre amarela para dar início a uma campanha em massa de vacinação.

O secretário executivo da Casa-CE, Adalberto Cachiungo, disse que a expansão da febre amarela no país é resultado de “uma completa falha de governação de Angola”.

XS
SM
MD
LG