Links de Acesso

Violência deixa mais dois mortos na cidade americana de Kenosha


Engenho explosivo detonado em frente a um carro da polícia de Kenosha

Duas pessoas morreram na terceira noite de protestos na cidade Kenosha, no Estado americano de Wisconsin, contra a atuação da polícia que deixou paralisado um homem, após receber sete tiros em frente aos seus três filhos, no passado fim de semana.

Jacob Blake Jr. foi ontem operado e, além de ficar paralítico da cintura para baixo, poderá perder ainda alguns órgãos.

Vídeos publicados nas redes sociais mostraram cenas caóticas de pessoas a correr e gritar em meio a uma rajada de tiros, enquanto outras tratavam ferimentos à bala.

Os novos confrontos começaram quase duas horas após o início do toque de recolher em Kenosha, às 20 h de terça-feira, 25, embora, até então, os protestos terem sido pacíficos.

Nos embates com a polícia, duas pessoas morreram e uma terceira ficou ferida, segundo um comunicado do Departamento de Polícia de Kenosha.

A cidade é palco de protestos desde domingo, quando a polícia atirou nas costas de Jacob Blake, Jr. à queima-roupa.

Ontem, a família pediu justiça e o fim de protestos violentos.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG