Links de Acesso

Viana: Mudança de administrador revela provável desvio de dezenas de milhões de kwanzas


Viana, município angolano

Os rendimentos do município de Viana, o mais populoso de Luanda, aumentaram mais de seis vezes depois da entrada de um novo administrador em Março, o que levanta suspeitas imediatas de enormes desfalques durante as administrações anteriores.

O administrador do município, Manuel Pimentel, diz estar disposta a limpar a corrupção e a melhorar a situação de Viana.

Contas da municipalidade de Viana revelam possíveis desfalques – 2:29
please wait

No media source currently available

0:00 0:02:29 0:00

Os números foram divulgados pelo sociólogo e professor universitário Heitor Simões, quem afirmou que este caso é revelador de que há dinheiro, mas o que falta é eficácia na gestão destes valores a favor do cidadão.

O problema, disse, "está na fragilidade das suas instituições".

"De 15 milhões de kwanzas mês de arrecadação até Março, logo após a entrada de um novo administrador passar a uma arrecadação de quase cem milhões de kwanzas por mês, o que quer dizer que ao longo destes anos todos havia um grupo de pessoas da administração que utilizavam a fraqueza da instituição para benefício próprio”, acrescentou Simões.

“Este dinheiro nunca serviu o município, para as estradas, iluminação pública etc”, continuou o professor quem sublinhou ainda que “em Viana, mesmo no casco urbano, quase tem que andar de tractor mesmo em tempo seco tal a quantidade de buracos que têm nome e idade".

Simões entende que grande parte desta receita arrecadada servia apenas para engordar as contas de alguns.

"Esta arrecadação em cerca de oitenta por cento, de certeza, que era desviada e por quem? Pelos próprios fiscais e outros decisores do município", afirmou Simões para quem o dinheiro é tanto que as próprias instituições não conseguem gerir em favor do cidadão, para o almejado desenvolvimento social”.

O actual administrador de Viana, Manuel Pimentel diz ter noção do problema e já começou uma luta, para que Viana seja o exemplo número um de Luanda.

"Eu reconheço que quando aqui cheguei encontrei muitos problemas: Ocupação de terrenos, grupos de mafiosos, eu nunca escondi que na minha administração há muitos corruptos e eu preciso de informações de fora, de denúncia destes actos", afirmou.

Manuel Pimentel, há cinco meses à frente da administração de Viana, diz que gradualmente as coisas vão mudando para melhor.

"Em Março quando entrei a administração arrecadou 15 milhões de kwanzas, depois de algumas mudanças no mês seguinte as receitas passaram para 21 milhões”, apontou o administrador que disse: “Não satisfeito continuei com as alterações, tirei a gravata, saí do gabinete e de lá pra cá Viana deixou de ser o oitavo município em termos de arrecadação de receitas comunitárias".

Ele garante que o município tem agora uma arrecadação de quase 92 milhões de kwanzas por mês e com estes vai fazer "algumas coisas”.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG