Links de Acesso

Vários cidadãos americanos entre os mortos no festival israelita


Oficiais de segurança israelitas e equipas de resgate ao redor dos corpos das vítimas que morreram durante as celebrações Lag BaOmer no Monte. Meron no norte de Israel, sexta-feira, Abril 30, 2021.

Vários cidadãos americanos estão entre as dezenas de mortos ou feridos em um festival religioso judaico em Israel, disse um porta-voz da embaixada dos EUA no sábado.

Pelo menos 45 pessoas morreram esmagadas e mais de cem ficaram feridas no desastre nas encostas do Monte Meron, em Israel, que ocorreu durante a noite entre quinta e sexta-feira.

"Podemos confirmar que vários cidadãos dos EUA estavam entre as vítimas", disse o porta-voz.

"A Embaixada dos EUA está a trabalhar com as autoridades locais para verificar se outros cidadãos dos EUA foram afectados e está a fornecer todo o apoio consular possível aos cidadãos americanos afectados e seus entes queridos. Por respeito às famílias neste momento difícil, não temos mais comentários".

O Ministério das Relações Exteriores de Israel disse na sexta-feira, 30 de Abril, que as autoridades do consulado em Nova Iorque estiveram em contacto com quatro famílias das vítimas e que a embaixada na Argentina estava em contacto com uma família.

O primeiro-ministro canadiano, Justin Trudeau, disse na sexta-feira que soube da morte de dois canadianos no desastre.

O Ministério da Saúde israelita disse que 32 dos mortos foram identificados na sexta-feira. O processo de identificação foi interrompido por 24 horas em observância do sábado judaico e seria retomado no sábado à noite.

Mais de 20 dos feridos ainda estavam hospitalizados na noite de sexta-feira.

Reuters

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG