Links de Acesso

Unicef pede 3,2 mil milhões de dólares para ajudar crianças

  • Redacção VOA

Crianças na Síria são o principal alvo do fundo

O Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) lançou nesta terça-feira, 31, uma campanha para arrecadar neste ano 3,3 mil milhões de dólares para ajudar milhões de crianças em todo o mundo que sofrem devido a conflitos, desnutrição e outras emergências humanitárias.

É o maior pedido já feito pelo Unicef na história, que citou o agravamento da situação das crianças no mundo, principalmente na Síria.

Segundo a agência, mais de 40 por cento dos fundos serão destinados para as crianças deslocadas na Síria ou que fugiram da guerra civil no país.

Para a América Latina, os recursos servirão para o combate e atendimento de crianças com microcefalia, por exemplo.

No ano passado, o Unicef havia pedido inicialmente 2,8 mil milhões de dólares, mas o valor aumentou para 3,2 mil milhões devido aos conflitos crescentes no Iémen, Sudão do Sul e Iraque.

Doações

O maior doador em 2016 foram os Estados Unidos, que contribuíram com 407 milhões de dólares, seguidos da Alemanha, com 250 milhões de dólares

O director da agência da ONU na área de programas de emergência, Manuel Fontaine, disse que espera que os Estados Unidos mantenham sua tradição de ajudar a entidade.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG