Links de Acesso

União Africana vai retirar 20 mil migrantes da Líbia


Alguns países já começaram a buscar seus cidadãos

Organização pede ajuda dos Estados-membros para agilizar o processo

A União Africana (UA) vai retirar nas próximas seis semanas cerca de 20 mil "migrantes africanos" que se encontram na Líbia, cumprindo o acordo com as Nações Unidas.

Para o efeito, a UA pediu à Libia para garantir a segurança das pessoas e apelou ao envolvimento de todos os países-membros para que se conclua o processo de identificação que vai permitir a emissão de documentos de viagem, autorizações de voo e "facilitar" o processo de reintegração nos países de origem.

O acordo foi alcançado na semana passada durante a Cimeira que se realizou na Costa do Marfim e que reuniu, pela primeira vez, a União Africana, a União Europeia e as Nações Unidas.

Governos da Costa do Marfim, Ruanda e Nigéria já anunciaram a repatriação dos compatriotas que se encontram na Líbia.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG