Links de Acesso

Autoridades no Uíge desmentem boatos de mortes de vacinados contra a Covid-19


As autoridades sanitárias da província angolana do Uíge desmentiram categoricamente falsas informações que circulam nas redes sociais de que quatro pessoas teriam morrido após serem vacinadas contra a Covid-19.

Uíge desmente boatos de mortes pela vacina contra a Covid - 1:57
please wait

No media source currently available

0:00 0:01:57 0:00

Em entrevista à VOA, o coordenador do programa de vacinação na província do Uíge, Apolinário Konda, disse que em mais de 23 mil vacinações tinham-se registado apenas 10 casos de pacientes com efeitos secundários muito leves.

"Imagine só que nos 23.135 vacinados só 10 voltaram com evento adverso, leves dores de cabeça e cansaço”, acrecentou.

“Só tivemos um paciente que apresentou febres e isso passou”, disse Konda afirmando ainda que “nunca registamos um evento adverso grave ou morte ligada à vacinação de Covid-19”.

Apolinário Konda fez saber que a campanha de vacinação contra a Covid-19, decorre sem sobressaltos em todos os municípios da província do Uíge.

O cepticismo em torno da vacina da Covid-19, no concernente aos seus efeitos colaterais, levaram Apolinório Konda a apelar ao grupo alvo a afluir ao centro de vacinação para se concluir a primeira dose da vacina na província do Uíge.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG