Links de Acesso

Uíge: Confirmada manifestação no sábado em meio a pedidos de moderação às forças de segurança


Manifestação no Uíge, Angola, 24 outubro 2020

Nas vésperas de mais uma manifestação contra o Governo no província angolana do Uíge, marcada para o próximo sábado, 20, activista garante a realização do protesto, apesar da pressão das autoridades, enquanto especialistas pedem outra postura às forças da ordem.

Manifestação no Uíge este fim de semana – 2:21
please wait

No media source currently available

0:00 0:02:21 0:00

Numa altura em que decorre a proposta de revisão constitucional, o jurista Joaquim António Ernesto acusa o Executivo de estar a violar a Constituição ao usar forças física e psicológica para reprimir manifestações na província, face ao aumento de casos de mortes, detenções e torturas de que são alvo alguns activistas.

“É comum vermos em Angola, a Polícia, através do comando central ou do Governo provincial, uma ideia formatada de que devem reprimir as manifestações, o que é ilegal, inconstituicional e não dignifica o Estado democratico e de Direito, em muitos os casos a polícia causa mais danos do que os manifestantes tudo por causa do excesso do uso da força”, aponta Ernesto, quem lembra que “já vimos manifestações em que as pessoas são mortas, baleadas e torturadas”.

Em vésperas de mais uma manifestação, o psicopedagogo Samuel Cool Kidi defende uma maior “literacia por partedas forças da ordem e segurança na província”, de forma a garantir a liberdade de expressão e manifedstação.

Os promotores da manifestação, que pretende amigos e residentes do Município dos Buengas para exigir a asfaltagem do troço Buengas/Sanza Pombo, cuja obras encontram-se paralisadas há três anos por falta de recursos, garantem, segundo o activista conhecido por Libertador de Mentes Aprisionadas, garatem que “tudo está preparado para o efeito”.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG