Links de Acesso

Twitter elimina perfis de apoiantes de Jair Bolsonaro investigados por ameaça a juízes


O Twitter excluiu da rede social perfis de vários apoiantes declarados do Presidente Jair Bolsonaro.

A decisão foi tomada depois do juiz do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes ter ordenado busca e apreensão daqueles investigados no inquérito que apura ataques a membros daquele tribunal e a disseminação de notícias falsas.

Os perfis apagados no Twitter são do presidente do PTB, Roberto Jefferson, preso e condenado no processo do Mensalão do PT, dos empresários Luciano Hang, Edgard Corona, Otávio Fakhoury, Bernardo Küster, além do blogueiro Allan dos Santos e do assessor do deputado estadual de São Paulo Edson Salomão.

"Sem medo e com pensamento positivo de que vai dar certo", diz voluntária de vacina testada no Brasil
please wait

No media source currently available

0:00 0:01:51 0:00

Em maio, Moraes determinou o bloqueio das contas nas redes sociais, como Facebook, Twitter e Instagram, de 16 investigados.

Em nota, o Twitter disse que "agiu estritamente em cumprimento a uma ordem legal proveniente de inquérito do Supremo Tribunal Federal (STF)".

Os advogados dos investigados disseram que vão recorrer.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG