Links de Acesso

Tribunal vai ouvir José Eduardo dos Santos no caso da transferência de 500 milhões


Julgamento envolve José Filomeno dos Santos e Valter Filipe

O antigo Presidente José Eduardo dos Santos vai ser ouvido pelo Tribunal de Luanda como declarante no julgamento do conhecido caso dos 500 milhões de dólares transferidos do Banco Nacional de Angola (BNA) para o Reino Unido, que envolve o antigo governador do banco central e o ex-presidente do Fundo Soberano de Angola, José Filomeno dos Santos, entre outros arguidos.

O pedido foi feito pela defesa do ex-governador do banco central Valter Filipe, Sérgio Raimundo, que quer saber se o antigo Presidente deu a ordem de transferência e se o acusado extravasou a ordem.

O juiz João Pitra aceitou o pedido e decretou que se criem condições para José Eduardo dos Santos responder mesmo à distância por se encontrar fora de Angola.

O antigo governador e José Filomeno dos Santos, filho de José Eduardo dos Santos, respondem pelos crimes de branqueamento e peculato devido à transferência de 500 milhões de dólares do BNA para um banco britânico, Em setembro de 2017, para financiar uma operação ligada à constituição de um fundo estratégico

José Filomeno dos Santos, na altura presidente do Fundo Soberano de Angola, foi constituído arguido em Março de 2018, bem como Valter Filipe e ambos cumpriram seis meses de prisão preventiva.

No bancos dos réus estão também empresário Jorge Gaudens e o ex-director do Departamento de Gestão de Reservas do BNA, António Samalia Bule.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG