Links de Acesso

Tribunal Supremo dá razão a Trump e autoriza decreto que impede cidadãos de sete países entrarem nos Estados Unidos


A decisão foi apertada, com 5 votos a favor e 4 contra

O Tribunal Supremo dos Estados Unidos deu razão ao Presidente Donald Trump ao aprovar nesta terça-feira, 26, a terceira versão do decreto que impede cidadãos do Irão, Líbia, Síria, Somália, Iémen, Coreia no Norte e Venezuela de entrarem nos Estados Unidos.

Por 5 votos contra 4 dos nove juízes do Supremo, o órgão deu a sua primeira grande vitória ao Presidente Trump.

A terceira versão do decreto presidente de Setembro 2017, estabelecia o veto total a cidadãos daqueles países como forma de proteger o país do terrorismo.

Antes, em Junho a Suprema Corte autorizou que a medida entrasse em vigor com excepção para aqueles cidadaõs que comprovassem uma relação de boa-fé com uma pessoa ou entidade dos Estados Unidos.

A maioria simples do Tribunal Supremo decidiu que os opositores do decreto anti-imigração, que levaram o caso aos tribunais, não conseguiram provar que o veto migratório viola a lei de imigração do país.

O órgão acrescentou que a proibição do Governo norte-americano não favorece nenhuma religião em detrimento de outra, pelo que não existe violação da primeira emenda da Constituição.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG