Links de Acesso

Tribunal Constitucional pronuncia-se hoje e oposição pede formação do Governo em São Tomé e Príncipe


à espera da recontagem de votos

Em causa pedido de recontagem de votos pela ADI

O Tribunal Constitucional de São Tome e Príncipe promete pronunciar-se nesta quarta-feira, 10, sobre o pedido de recontagem de votos feito pelo ADI, partido no poder.

O partido liderado pelo primeiro-ministro Patrice Trovoada alega ter informações de que cerca de dois mil votos considerados nulos ou brancos são a favor da ADI, o que lhe dará a maioria absoluta.

Na eleição de domingo, 7, a ADI conseguiu a maioria simples, 25 mandatos, enquanto o MLSTP/PSD obteve 23 e ambos garantem poder forar Governo em coligação.

Entretanto, a vice-presidente do MLSTP-PSD, Elsa Pinto, pediu ao Presidente da República para "queimar etapas" e viabilizar a formação de um Governo com "sustentabilidade parlamentar".

"O tempo urge, o país parou para estas eleições. Importa que avancemos e que haja Governo. Neste momento devíamos queimar etapas", disse Pinto, em conferência de imprensa, na qual assegurou que um Governo da ADI, "sucumbirá" no Parlamento.

XS
SM
MD
LG