Links de Acesso

Trabalhadores do terminal aéreo das FAA esperam por indemnização há 26 anos


Forças Armadas Angolanas (Foto de Arquivo)

Nenhuma instituição responde pelo caso

Mais de 250 antigos trabalhadores do Terminal Aéreo Militar (TAM) da Direcção de Logística do Estado Maior General das Forças Aéreas Angolanas foram despedidos em 1992, mas continuam a aguardar o pagamento das suas indemnizações ou o reenquadramento noutras unidades como dizia o documento que os despediu.

Trabalahdores de base áerea angolana esperam pelo prometido há quase 20 anos - 2:01
please wait

No media source currently available

0:00 0:02:01 0:00

Afirmam ter escrito a várias instituições, entre as o Ministério da Defesa, a Assembleia Nacional, a Provedoria de Justiça e o antigo Presidente da República, José Eduardo dos Santos, sem qualquer resposta.

Os antigos trabalhadores do TAM dizem-se desesperados com a situação que se arrasta há 26 anos.

O documento que os despediu definiu a sua recolocação noutras bases, mas até agora nenhum deles recebeu qualquer indemnização.

A VOA falou com vários trabalhadores que se queixam da sua situação.

Entretanto, o Ministério do Trabalho diz que nada tem a ver com a situação porque não foi depositado nenhum valor para Segurança Social referente àqueles trabalhadores, enquanto nas FAA não há qualquer resposta.

Ouça a reportagem:

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG