Links de Acesso

Trabalhadores da Administração do Sumbe dizem ter "salários roubados"


Notas de Kwanzas, Angola

Eles acusam anteriores administradores mas tribunal ainda não decidiu

Dezenas de trabalhadores da administração do município do Sumbe, na província angolana do Kwanza Sul, continuam à espera de resolução do caso do desvio dos seus salários durante a administração de América Alves Sardinha e Manuel do Nascimento Rosa da Silva.

Vitimas de fruade salarial ainda aguardam por pagametno no Kowanza sul - 2:29
please wait

No media source currently available

0:00 0:02:29 0:00

Cerca de 120 trabalhadores viram-se sem salários por, segun do dizem, terem sido desviados para o benefício daqueles dois administraçãos, no valor total de 26 milhões de kwanzas.

Cinco desses trabalhadores já morreram.

O caso foi para tribunal mas, segundo os trabalhadores, a juíza afirmou que iria decidir o caso à porta fechada, mas até agora não houve qualquer solução.

“A juíza disse que vai decidir sobre o processo à porta fechada mas, já lá vão um mês e até agora nada”, disse um dos funcionários.

Fernando Pais da Cunha também esperar seus salários.

“Se a juíza decidíu que vai julgar a administração à porta fechada, nós queremos saber quando vai começar a pagar os nossos salários”, perguntou.

A actual administração não tem fundos para pagar aos trabalhadores e defe que os trabalhadores devem responsabilizar os anteriores administradores.

Manuel Rosa da Silva é actualmente primeiro secretário do MPLA em Cassongue.

A VOA não conseguiu falar com os acusados.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG