Links de Acesso

Testes confirmam que paciente internado em Luanda não tem o novo coronavírus


Aeroporto 4 de Fevereiro, em Luanda, reforça controlo sanitário

Os exames laboratoriais feitos ao paciente chinês internado, em Luanda, com suspeita de ter o novo coronavírus, revelaram-se negativos, anunciou o Inspector Geral da Saúde, Miguel de Oliveira, neste sábado, 1, em Luanda.

"Os testes feitos num laboratório de referência, na África do Sul não revelaram qualquer presença do vírus", disse Oliveira em referência ao chinês que chegou a Angola há duas semanas com sintomas parecidos aos do novo coronavírus.

O paciente deve receber alta ainda hoje da clínica, em Luanda, onde está internado desde o dia 26 de Janeiro.

As autoridades angolanas tinham informado que as pessoas que mantiveram contato com o paciente estavam a ser monitoradas.

O Governo anunciou ter instalado um sistema de controlo nas fronteiras para evitar a entrada de qualquer infetado com a doença, no momento em que são esperados muitos chineses que foram ao seu país passar as férias de Ano Novo.

Angola tem uma comunidade de cerca de 250 mil chineses.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG