Links de Acesso

STP: Governo e sindicatos chegam a acordo sobre salário mínimo


Street market, Sao Tome e Principe,

Valor será de cerca de 110 dólares, a partir de maio, e deverá atingir 200 dólares em 2024

O salário mínimo na função pública de São Tomé e Príncipe vai subir para 2.500 dobras, cerca de 110 dólares, a partir de maio, e deverá atingir 4.500 dobras equivalentes a 200 dólares em 2024.

O valor foi definido na terça feira, 8, após longas horas de negociações entre as centrais sindicais e o Governo.

O secretário-geral da Organização Nacional dos trabalhadores de São Tomé e Príncipe (ONTSTP), João Tavares, e o líder da União Geral dos Trabalhadores de São Tomé e Príncipe, (UGT-STP), Costa Carlos, acreditam que o entendimento alcançado com o Governo é para ser cumprido.

O antigo sindicalista Óscar Baía,diz que o aumento do salário mínimo em mais de 100 por cento é um bom acordo para os trabalhadores, mas tem reservas em relação ao seu cumprimento.

“As dificuldades económicas continuam a ser muito grandes. Isto não está programado no OGE para 2022 que já foi aprovado, mas espero que o Governo não venha a ter dificuldades para materializar o que ficou acordado”, afirma Baía, avançando outras preocupações em relação aos trabalhadores que neste momento têm salários médios que serão ultrapassados pelo novo salário mínimo.

“Será que quem tem salários médios que neste momento rondam as duas mil dobras aceitarão ser ultrapassados por aqueles que neste momento recebem 1100 dobras? Isto tudo não será uma batata quente para o governo que sair das eleições de Outubro deste ano”, perguntou aquele analista político.

A 24 de Fevereiro, as duas centrais sindicais deram ao Governo um ultimato até o passado dia 28, para discutir o salário mínimo, que deveria ser fixado em 4.500 dobras, cerca de 220 dólares, contra os 44 dólares praticados actualmente.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG