Links de Acesso

Sissoco Embaló exonera Chefe de Estado-maior da Força Área e nomeia Joaquim Ferreira


Úmaro Sissoco Embaló, Presidente da Guiné-Bissau, 30 dezembro 2020

O Presidente da República, Umaro Sissoco Embaló, exonerou na sexta-feira, 19 de Fevereiro, Ibraima Papa Camará, das funções do chefe de Estado-Maior da Força Aérea, nomeando para o seu lugar, Joaquim Filinto Silva Ferreira.

As razões das mexidas nas forças Armadas não foram evocadas nos decretos presidenciais, mas o documento frisou que as substituições foram feitas sob proposta do ministro da Defesa Nacional, Sandji Fati, com a aprovação do Conselho Superior Militar.

Papa Camará vai, entretanto, assumir as funções do presidente do Instituto de Defesa Nacional, funções que eram desempenhadas por Augusto Mário Có, também exonerado esta sexta-feira, por decreto Presidencial.

As mexidas protagonizadas por Umaro Sissoco Embaló não ficaram por aqui. Carlos Bampoque foi exonerado das funções do vice-chefe de Estado-Maior da Força Aérea, tendo sido chamado para o seu lugar, Mamadú Saliu Embaló.

Bissau: “Um presidente não deve reproduzir rumores”, diz Bubacar Turé

Essas mexidas têm lugar uma semana depois do Chefe de Estado ter denunciado alegados rumores sobre um possível golpe de Estado que lhe tiraria a vida, bem como "liquidar o chefe de Estado Maior General das Forças Armadas, os ministros da Defesa e do Interior", segundo as palavras de Umaro Sissoco Embaló.

Sabe-se, por outro lado, que as mexidas ora efectuadas partiram da proposta do Chefe de Estado-Maior General das Forças Armadas, Biaguê Na N'Tan, que já não "aturava" Ibraima Papa Camara das Funções do Chefe de Estado-Maior da Força Aérea.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG