Links de Acesso

Sete funcionários de educação acusados de corrupção em Nampula


Vista geral da cidade de Nampula, Moçambique

Este ano foram já recebidas 60 denúncias de corrupção no sector de Educação.

Sete professores e auxiliares administrativos afectos à Escola Primária de Mutauanha, na cidade de Nampula, são acusados pelo ministério público de desvio de mais de um milhão de meticais, cerca de 17 mil dólares.

Sete funcionários de educação acusados de corrupção em Nampula
please wait

No media source currently available

0:00 0:01:54 0:00

A infracção aconteceu no período entre 2014 e 2016. Os acusados poderão ser condenados até oito anos de cadeia.

O porta-voz do Gabinete de Combate contra a Corrupção em Nampula, Francisco Bauque, disse que os profissionais fazem parte de uma rede liderada pelo chefe da secretaria daquela escola, que tinha acesso ao sistema informático e fez alteração das categorias dos seus colegas que passaram a receber salários acima do nível profissional que lhes competia.

Os auxiliares e docentes da categoria média, por exemplo, passaram a receber o salário de um técnico superior e os docentes do nível básico salário de docente de nível médio.

Um relatório de auditoria feito pela Inspeção Geral de Finanças realizado no ano passado em vinte e duas escolas de Nampula, disponibilizado ao ministério público, foi a base para investigação do crime de desvio de dinheiro.

Bauque, disse que o processo vai seguir agora a via legal e os profissionais envolvidos, e que se encontram agora detidos, serão julgados.

Aquele porta-voz referiu que há outros processos em curso envolvendo outros estabelecimentos de ensino. Este ano foram já recebidas 60 denúncias de corrupção.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG