Links de Acesso

Sequestrador de Carcassone foi morto


Polícia nas imediações do supermercado atacado

Há mais dois mortos e uma dezena de feridos

O homem, de cerca de 30 anos, que entrou num supermercado nesta sexta-feira, 23, emTrèbes, perto de Carcassone, no sudoeste da França, foi morto pela polícia.

Antes, ele matou duas pessoas, entre elas um agente da polícia.

O atacante, de nacionalidade marroquina, fez pelo menos 20 reféns do interior do supermercado, dos quais cerca de 10 ficaram feridos.

A imprensa francesa diz que o sequestrador atirou contra quatro polícias, entrou no supermercado a gritar "Allah Akbar" e, depois, pediu a libertação de Salah Abdeslam, um dos autores dos atentados de Paris, em Novembro de 2015.

Testemunhas confirmam que ele disse pertencer ao grupo Estado Islâmico.

O marroquino era conhecido das autoridades policiais e foi identificado através da matrícula do carro, que estava no estacionamento do supermercado.

O primeiro-ministro francês, Édouard Philippe, classificou o sequestro de um ataque terrorista.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG